1. Almoço Temático Português

10391368_723036507817795_4928341467248044429_n

No dia 18 de Março decorreu um almoço temático que proporcionou momentos de grande alegria e partilha entre utentes e equipa técnica: o Centro transformou-se numa típica tasca portuguesa, onde nada faltou (mas mesmo nada!!!). Começando num maravilhoso caldo verde, passando pelos imprescindíveis bolinhos de bacalhau com arroz de feijão e acabando na pastelaria portuguesa, esta foi a oportunidade para muitos dos nossos utentes se aproximarem da cultura e gastronomia lusitana.

Exemplarmente atendidos pelo Sr. Manel e pela D. Maria (que encarnaram o espírito da tasca exemplarmente), os utentes tiveram a oportunidade de vivenciar um momento diferente que lhes permitiu presenciar uma actuação de fado, algo que muitos utentes ainda não tinham tido a oportunidade de experienciar.

Foi com muito gosto que contamos com a presença de “Uma Espécie de Fadistas”, que nos proporcionaram um momento musical de excelente qualidade, tendo deixado os presentes completamente imbuídos pelo momento e desejosos de muito mais.

Pedro Ferreira da Silva

2. Visita de técnicos sociais franceses ao Centro

4De 9 a 21 de Março a Inducar (organização para a promoção da educação não formal e da integração social) acolheu em Portugal um grupo de 12 técnicos sociais franceses vindos do Cémea Poitou-Charentes (Centres d’entrainement aux méthodes d’education active), num intercâmbio destinado a dar a conhecer organizações de educação não formal e intervenção social no Porto, tendo visitado o Centro São Cirilo no dia 16 de Março.

“Somos trabalhadores sociais em Poitou-Charentes, no oeste da França (Poitiers, La Rochelle). Viemos a Portugal para conhecermos outras práticas no trabalho social. Ficámos muito contentes por visitar o Centro, pois encontrámos uma organização muito envolvida socialmente em relação aos imigrantes e a outras pessoas também com necessidades.

As nossas estruturas em França são laicas e no início ficámos um pouco apreensivos com a proposta de conhecer o Centro. No entanto, identificámo-nos plenamente com os valores humanistas que defendemos todos os dias. Sentimos que há uma grande abertura e um profundo respeito por todas as culturas e religiões no Centro. A apresentação e partilha por profissionais e voluntários foram muito interessantes.

Saímos a reflectir com humildade sobre as nossas práticas e o significado que lhes damos. Muitos de nós pensámos que poderíamos trabalhar em São Cirilo e teríamos um grande prazer em contribuir para a sua nobre missão. Agradecemos a todos os que nos receberam.”

Concha Tello

3. Lanche das Atividades

Sao Cirilo_26 Mar 15 (7)

No dia 26 de Março realizou-se no Centro São Cirilo mais um lanche das actividades. Neste encontro houve a entrega de novos diplomas aos alunos mais presentes neste semestre. Esta entrega de diplomas serve de motivação e ânimo para levantar a moral dos utentes, e é muito importante pois motiva os alunos a quererem ser melhores e a não ficarem parados na vida. Estar num ambiente mais informal com os próprios professores ajuda também a criar laços mais fortes, o que por vezes numa sala de aula não é possível.

O lanche é motivo para agradecer aos voluntários e técnicos, que não só lutam para engrandecer o nome desta casa, mas transmitem as suas aptidões a pessoas que precisam de crescer.

Marco Almeida