Month: March 2018

Editorial

fotoDe entre os muitos frutos que da Ressurreição de Jesus nos chegam, um deles é a capacidade de voltarmos a acreditar: de voltarmos a ter esperança na possibilidade de transformação do mundo (apesar dos desencontros e da violência que possamos ver existirem).

A Páscoa mostra-nos como, ao contrário do que por vezes nos possa parecer, a vida e a bondade acabarão no fim por ter a última palavra.

É também baseado na esperança de renovação do nosso mundo, e inspirado pela vida e pela entrega de Jesus, que o Centro São Cirilo procura levar a cabo a sua missão.

Para o Centro, este tempo fica também marcado pela mudança de Diretora Técnica, saindo a Dra.Rita Lança e entrando a Dra.Mariana Rozeira. À Mariana damos as boas-vindas e alegramo-nos com a sua vinda. À Rita desejamos que a sua nova missão possa ser muito abençoada. A uma e a outra agradecemos a dedicação e o espírito de serviço a esta casa aos que a ela recorrem.

Luís Ferreira do Amaral s.j.

Breves do Centro

  1. Atividade Livre: Sons, Saberes e Sabores

Artes Plásticas & ArtesanatoO meu nome é Isabel Rios, sou venezuelana e já estou em Portugal há 5 meses. Vim, como todos os imigrantes, procurando uma melhor qualidade de vida. Neste caminho de busca, encontrei o Centro São Cirilo, um centro comunitário aberto a qualquer pessoa que o necessite. Tomei conhecimento da sua existência, quando pesquisava na internet por um local de aprendizagem da língua portuguesa.

Desde o início, senti que no Centro todos eram muito recetivos e amigáveis. Frequento aulas de Português, Inglês e Ioga. Em pouco tempo, tenho aprendido muito e também tem sido uma oportunidade para conhecer pessoas, não só portuguesas mas de muitos outros lugares do mundo.

O Centro, além das aprendizagens, também é um espaço de partilha. Fui convidada a realizar um workshop de culinária, inserida na atividade livre “Sons, Saberes e Sabores”.
Durante o workshop, fizemos uma receita básica da cozinha venezuelana: nossas arepas, que fazem parte da comida tradicional em todo o país. A participação e interesse pelo workshop foi visível. Os participantes queriam perceber como se confeccionavam as arepas, assim como a tradição relativamente às mesmas, na Venezuela.

Foi uma grande satisfação para mim ter a oportunidade de partilhar um pequeno pedaço da minha terra e das minhas tradições com o grupo que participou no workshop e, ao mesmo tempo, os participantes partilharam comigo os seus próprios pratos e experiências, o que nos permitiu construir uma bela memória, além da integração do país que nos está a receber: Portugal.

Isabel Benitez |Utente

 

  1. Centro São Cirilo: o desafio de comunhão

Comecei a colaborar com Centro São Cirilo porque a Manuela Sousa,Cartaz da Festa da Páscoa 2018 que já era voluntária, me lançou este repto.

Dou aulas de Português inicial numa turma com alunos de seis nacionalidades. O grupo é um exemplo vivo do espírito de entreajuda. Os saberes de cada um são partilhados com um sorriso no rosto. Quando alguém tem uma maior dificuldade, os restantes aceitam com alegria que devem esperar, até que o colega se ponha ao ritmo do conjunto. Alguns servem-se do seu bom domínio na utilização da tecnologia digital para ajudar colegas a entenderem o significado de palavras, mostrando no smartphone os vocábulos equivalentes na escrita da sua língua materna.

Tenho também participado nos eventos alargados que reúnem, em simultâneo, utentes, funcionários e voluntários. A Festa da Páscoa é um dos bons exemplos de como estes eventos são espaços de encontro, dando-me a justa dimensão do que aqui se vive e daquilo que aqui se faz. A festa da Páscoa e outros eventos em que já estive presente, permitiram-me uma percepção da surpreendente variedade de nacionalidades que aqui se congregam, mostrando-nos uma colorida paleta de trajes e uma sinfónica comunicação entre distintos idiomas. É nestes encontros que se perceciona o elevado número de voluntários e as múltiplas valências em que cada um deles está envolvido. Tais espaços são a isotopia de um novo Pentecostes. Ali, as diferentes culturas, a variedade de línguas e os distintos passados de cada um, não só não constituem impedimento à comunicação como também estimulam a uma comunhão, implicada na vida e na transformação da história.

Sente-se que o Centro calcorreia o caminho indicado por Goethe: «Vai até onde puderes ver, quando lá chegares poderás ver ainda mais longe». Ao ver o que aqui se sonha e se realiza, podemos acreditar que dentro de cada um de nós espera, desde sempre, um futuro mais humano. O Centro São Cirilo é, para mim, um convite a esconjurar os «profetas da desgraça que sempre anunciam catástrofes», como pedia o bondoso Papa João XXIII.

Manuel António Ribeiro|Voluntário

 

  1. Consignação do IRS

336W_Sao Cirilo_IRS_2017Este ano, ajuda-nos a continuar a ajudar?

Basta fazer um X…

No dia 1 de Abril começa o período de entrega da declaração de IRS referente ao ano de 2017. Para a maior parte das pessoas, preencher a declaração do IRS não é fácil nem agradável. Mas agora existe um novo incentivo para o fazer: pode ser solidário!

A consignação do IRS permite doar 0,5% do seu imposto que, em vez de ir para o Estado, pode ir para o Centro Comunitário São Cirilo, sem qualquer custo ou perda para si! Assim, estará a contribuir para a capacitação de mais de 1000 utentes, que passam pelo Centro São Cirilo, a cada ano. Só tem de colocar o NIF 506234320 no Quadro 11 da sua Declaração de IRS online, entre 1 de Abril e 31 de Maio.

Atualmente, esta receita representa uma fatia muito significativa do orçamento do Centro. É graças a ela (e outras ajudas) que o Centro continua a financiar alguns dos serviços considerados essenciais, nomeadamente o Gabinete de Emprego e a Animadora de Integração Comunitária, que não estão incluídos no acordo com a Segurança Social.

A ajuda na divulgação, entre família e amigos, é também muito bem-vinda. Para isso pode reencaminhar esta newsletter ou fazer “like” e “partilha” no nosso facebook.

Este ano, faça a diferença na vida dos utentes do Centro São Cirilo! Basta fazer um X na sua declaração de IRS. Com este pequeno gesto, ajude-nos a continuar a ajudar!

Mariana Rozeira |Diretora Técnica

Vídeo do Mês

“…O caminho é forte e duro, mas nas dificuldades está Deus que nos fortalece.
No dia 15 de julho de 2017, viajei para Portugal a terra de meu marido e sua família, pedindo a Deus que nos guiasse e nos colocasse no caminho as pessoas certas.
Conheci o Centro São Cirilo através de uma amiga, mas hoje entendo que foi o que pedi a Deus para começar o novo caminho….” – Formanda Andreina Rojas da Venezuela

Atenção às Margens

Links de Interesse

Centros de Emprego vão ter gestores de carreira para os sem-abrigo

Portugal continua com níveis de desigualdade bastante elevados à escala europeia

Os pobres continuam pobres, mesmo depois de arranjarem emprego

No próximo mês acontece…

04.Abr – Formação “Objetivos Pessoais e Planificação” (Utentes)

A partir de 10.Abr – Apoio na submissão da declaração de IRS relativo a 2017 (Utentes – mediante marcação na receção)

12.Abr – Visita à exposição “Germinal” na Galeria Municipal da Biblioteca Almeida Garrett (Utentes)

18.Abr – Formação “Gestão do Tempo” (Utentes)

© 2018 Centro Comunitário São Cirilo