1. Jantar do Voluntário

Jantar do VoluntárioDecorreu, no passado dia 30 de setembro, no Centro Comunitário São Cirilo, o primeiro “Jantar do Voluntário” para os voluntários, utentes internos, de refeição e equipa. Esta atividade teve início às 18h30 com uma reunião que envolveu os diferentes voluntários que dão apoio às diversas valências do centro. Ao leme desta atividade estiveram o P. Filipe Martins e a Diretora do Centro, Paula Ferreira.

Posteriormente foi apresentada, na sala de convívio, uma pequena mostra de atividades desenvolvidas ao longo do ano 2014 -2015, organizada pela Paula Correia, responsável pela área de Animação Sociocultural. A pontuar esta mostra, um conjunto de fotografias que guardam uma memória de momentos de trabalho conjunto.

Ao final da tarde, houve um jantar volante com especialidades gastronómicas de diversas partes do mundo, trazidas pelos utentes do Centro. Um convívio agradável, fruto da dinâmica que tem sido desenvolvida por todos aqueles que, de alguma forma, partilham o espaço do Centro São Cirilo.

Inês Mendes e Pedro Teixeira

2. Noite de arranque do Centro “Vem ao teu Centro”

12108897_826658720788906_6275806880051030952_nNo passado dia 20 de Outubro de 2015 realizou-se a festa de arranque de ano do Centro São Cirilo, com o mote “Vem ao teu Centro”.

Do menu da noite constava em primeiro lugar uma missa, celebrada pelo Padre Filipe, e com vários momentos preparados pela equipa. No ofertório a equipa teve a oportunidade de demonstrar o trabalho que tem vindo a ser feito, através de vários objetos que simbolizam cada serviço prestado (alojamento, cabazes, refeições, etc…).

A missa serviu também para agudizar o apetite, visto que de seguida aconteceu um jantar-convívio com todos os presentes (voluntários, equipa técnica, utentes e convidados). Durante o jantar pode-se notar momentos de partilha e de muito entusiasmo, com a sala repleta de várias nacionalidades, o que demonstra o quanto a interculturalidade pode alimentar as relações pessoais.

Após o jantar, como serão da noite, foi apresentada uma peça de teatro surpresa, esta preparada pela Dra. Paula Correia, animadora social e que envolveu um misto de utentes (internos e externos), com o objetivo de representar o dia-a-dia do Centro. Para tal, cada utente teve que vestir uma personagem imitando cada membro da equipa técnica, e assim poder transmitir/divulgar de forma divertida o trabalho e as atividades que ocorrem no Centro.

Foi uma noite que correu bem e que é de enaltecer. Mais uma vez serviu para mostrar aos voluntários que vale a pena o esforço feito para o bem-estar dos utentes. Assim como serviu para colocar os utentes na perspetiva de técnicos, e perceberem as dificuldades que surgem durante o exercício dos trabalhos e como ultrapassá-las.

Crisanto Monteiro

3. Atividades Livres

FlyerEm Outubro o Centro deu início às actividades livres que se realizam diariamente, sendo cada dia dedicado a uma área diferente.

Às Segundas os utentes são chamados a viajar pelos países e culturas na Hora do Conto e a aprender música nas aulas de guitarra. O exercício físico e a dinâmica relacional fazem parte, às Terças, da ginástica e dos jogos desportivos e tradicionais. O mundo da imaginação e criatividade são o mote para a atividade de Expressão plástica, às Quartas, e para o workshop dos Sons, Saberes e Sabores, às Quintas, pela variedade de contextos e aprendizagens. E para acabar a semana, podemos descontrair com as danças latinas e com os jogos de mesa.

O que se pretende é contribuir para o Projeto de Vida de cada utente com a sua ocupação diária. O desenvolvimento de competências transversais, mais participação e diálogo intercultural e a integração no contexto envolvente são algumas das metas.

No desenvolvimento das actividades livres observa-se muita variedade e riqueza cultural e um grande interesse em participar, aprender e partilhar. Para tal têm contribuído, a adequação semanal das actividades a cada grupo de participantes e o vínculo familiar do Centro Comunitário São Cirilo, que revelam o caráter particular da sua intervenção.

Paula Correia